POWER RANGERS

Power Rangers é uma franquia da empresa Saban Entertainment, inspirada na série japonesa Super Sentai. Composta de séries de televisão infanto-juvenis, filmes, histórias em quadrinhos e brinquedos.

POWER RANGERS

Teve início em 1993 pela Saban Entertainment nos Estados Unidos. Em 2001 os direitos foram vendidos por 5 bilhões de dólares para BVS Entertainment em parceria com a Walt Disney Company. A Saban recuperando os direitos da franquia em 2010. Atualmente, após a recompra dos direitos, as séries são produzidas pela Saban Brands, LCC e pela SCG Power Rangers, LLC.

POWER RANGERS

A franquia está no ar até hoje adaptando as séries Super Sentai para o mercado norte-americano. No Brasil, as séries de televisão Power Rangers já foram exibidas nos canais Fox Kids, Rede Globo, Jetix, Disney XD e na Nickelodeon. Hoje, a franquia está sob os direitos da Rede Bandeirantes e do Cartoon Network. Todas as séries estão disponíveis nos serviços de streaming Claro Video e Netflix.

POWER RANGERS

O empresário Haim Saban é o responsável pelo advento da franquia. Na década de 1980, Saban já tinha levado a série Super Sentai Choudenshi Bioman para a França, obtendo muito sucesso. Logo depois, o empresário tentou levar Bioman para a TV americana, mas não houve interesse por parte dos produtores. Já na década de 1990, Saban fundou seu próprio estúdio e adquiriu com a produtora Toei os direitos do Sentai Kyoryu Sentai Zyuranger de 1992, com o tema de dinossauros em voga na época devido ao sucesso do filme Jurassic Park. O elenco que personificava os heróis em roupas civis foi trocado por atores norte-americanos e o seriado, rebatizado para Mighty Morphin Power Rangers. Além disso, os próprios episódios foram reescritos para dar à série um tom maior de comédia. "Reescritos" não é bem a palavra: os roteiros foram praticamente escritos do zero, aproveitando do original apenas algumas cenas de luta. Saban argumentou que o mercado americano não aceitaria uma série com um elenco todo de japoneses, assim como a narrativa da série original.

POWER RANGERS

O sucesso de Power Rangers incentivou a 20th Century Fox trazer a série de TV para os cinemas. Em 1995, foi feito o primeiro filme sob a direção de Bryan Spicer, filmado em Sydney na Austrália, a produção criou uma história, adereços e pacotes gráficos, totalmente diferentes das primeiras temporadas, além da presença de personagens exclusivos e trilha sonora para o filme, incluindo o tema de abertura na voz de Eric Martin, do Mr. Big. A orquestra sinfônica tocada durante o filme, foi executada pelo compositor neozelandês Graeme Revell. Os protagonistas deste filme, estavam migrando da segunda para a terceira temporada na série de TV. O longa foi lançado em 30 de junho de 1995 nos Estados Unidos, e em 2 de setembro do mesmo ano no Brasil, e arrecadou mais de 66 milhões de dólares em todo o mundo.

POWER RANGERS

O segundo filme é diferente do primeiro, tendo uma relação mais direta com a série, servindo de pontapé inicial para Power Rangers: Turbo. Dois ex-rangers Jason (Austin St. John) e Kimberly (Amy Jo Johnson) participaram deste filme, no qual, arrecadou mais de 9 milhões de dólares. O fracasso foi tanto, que um filme baseado em ''Power Rangers: Força do Tempo'' foi engavetado pela Saban, para não correr risco de outro fracasso nos cinemas.

POWER RANGERS

Em 2001, a Saban Entertainment (parte integrante da Fox Family Worldwide) enfrentava as crises financeiras durante o período de exibição de Power Rangers: Força do Tempo. Com isso, os direitos de todos os acervos da Fox Family Worldwide foram vendidos para Walt Disney Company. Em 2002, a partir de Power Rangers: Tempestade Ninja, as filmagens foram feitas na Nova Zelândia, a Fox Kids, que exibia a série desde a primeira temporada, se converteu para Jetix nesta mesma época.

POWER RANGERS

Durante a posse da Disney sobre os direitos da franquia e a produção de novos episódios por parte da empresa, muitas temporadas já foram consideradas infantilizadas pelos fãs, o que causou uma queda na aceitação do público e na popularidade da série conforme as novas temporadas foram sendo produzidas. Para tentar alavancar a audiência, em fevereiro de 2007 foi anunciada a versão animada da série, intitulada Power Rangers: Super Legends e que em seguida renomearia para Power Rangers: Morphin Heroes. Entretanto, a animação fora cancelada, e o primeiro nome atribuído a um jogo de ação em comemoração ao aniversário de 15 anos de Power Rangers.

POWER RANGERS

Em 2009, estreava a 17ª temporada, Power Rangers: RPM, adaptação de Engine Sentai Go-Onger. Com o fim da Jetix e o início da Disney XD, todas as temporadas deixaram de ser exibidas, e a nova temporada de Power Rangers foi transmitida nos Estados Unidos pela ABC, no bloco ABC Kids. Enquanto a nova temporada estreava nos EUA, no Brasil, a temporada anterior (Power Rangers: Jungle Fury) ainda era exibida pela Jetix, e Power Rangers: RPM estreou no ano seguinte na Disney XD.

POWER RANGERS

Em meio ao declínio pelo qual a franquia passava, a Disney anunciou que Power Rangers: RPM seria a última a ser produzida, e que em no ano seguinte, ao invés de uma nova adaptação ser feita, estrearia uma versão remasterizada de Mighty Morphin Power Rangers. Por sua vez, a remasterização foi severamente criticada pelos fãs, e após ter estreado em 2010 na ABC americana apenas 32 episódios, a produção foi cancelada. No Brasil, a temporada não estreou em nenhuma emissora de TV, mas se encontra no catálogo do serviço digital Netflix.

Um novo recomeço da franquia nos cinemas

POWER RANGERS

O terceiro longa da história da franquia nos cinemas foi anunciado pela Saban Brands e Lionsgate, e será um reboot total da franquia se baseando na primeira temporada da série ''Mighty Morphin Power Rangers''. Será dirigido por Dean Israelite (Projeto Almanaque) com um roteiro criado pela dupla Ashley Miller e Zack Stentz (X-Men: Primeira Classe), com um tom descrito como ''maduro, moderno mas divertido''. Os atores selecionados são Dacre Montgomery como Jason/Ranger Vermelho, Ludi Lin como Zack/Ranger Preto, Naomi Scott como Kimberly/Ranger Rosa, Becky G como Trini/Ranger Amarela e RJ Cyler como Billy/Ranger Azul, Elizabeth Banks viverá a vilã do filme Rita Repulsa. O lançamento do filme será em 24 de Março de 2017. 

 FONTE: Wikipédia, a enciclopédia livre.

                                         Todas as aberturas dos Power Rangers (1993-2016)

                                            Power Rangers (2017) - Trailer 2 legendado HD




Comentários